Temer nega que STF tenha imposto derrotas à Lava-Jato

RIO — O presidente Michel Temer negou que recentes decisões do Supremo Tribunal Federal (STF), como a soltura do ex-ministro José Dirceu, signifiquem uma derrota para a Lava-Jato. Em entrevista exibida na noite desta quinta-feira pela RedeTV, Temer afirmou que a revisão de decisões em instâncias superiores faz parte do sistema judicial.

— O Judiciário é feito de instâncias. Tem o primeiro grau de jurisdição, o segundo grau de jurisdição, o teceiro grau de jurisdição e o Supremo Tribunal Federal. É por instâncias. Não há derrota, há revisão — destacou Temer.

O presidente também garantiu que prefere que o julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) da chapa em que ele foi eleito em 2014, ao lado da ex-presidente Dilma Rousseff, seja concluído o quanto antes.

— É preciso acabar com isso. O quanto antes julgar, melhor. Cria uma instabilidade inadequada — disse, voltando a dizer que recorrerá de uma possível cassação, tanto no TSE como no STF.

Temer ainda voltou a minizar a atuação do líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), que vem se posicionando contra o governo, e afirmou torcer para que o ex-presidente do Senado volte a se aliar ao governo.

— O Renan é de idas e vindas. Ele já foi muitas vezes e voltou. Estou esperando que ele volte. Não me incomodo com essas objeções — destacou.

Fonte:  O GLOBO

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com