Sem substituto para Geddel, Temer fica na coordenação política

BRASÍLIA — Sem seu coordenador político Geddel Vieira Lima, que foi forçado a deixar o cargo, o presidente Michel Temer já assumiu a função, e vai, pessoalmente, cuidar das negociações com o Congresso até encontrar um sucessor para a Secretaria de Governo. Temer já marcou, inclusive, reunião com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e líderes partidários para a próxima segunda-feira. Está prevista para terça no Senado, a votação da proposta de emenda constitucional que trata do limite de gastos da União. Na Câmara, deve ser votado o projeto das medidas contra a corrupção.

Em conversa com Temer, o líder do PSD na Câmara, deputado Rogério Rosso (DF) apoiou o movimento do presidente de assumir, neste momento, a coordenação política, enquanto define com tranquilidade o nome que irá substituir o ministro Geddel Vieira Lima. Temer está viajando hoje de São Paulo a Brasília.

O presidente está analisando nomes e encontra dificuldades porque tem que conseguir alguém com trânsito entre os parlamentares, mas sem o risco de ser alvo das revelações da delação da Odebrecht, na Lava-Jato. Ontem, em São Paulo, o presidente esteve com o Moreira Franco, secretário executivo do Programa de Parcerias e Investimentos (PPI) e com Rosso. Temer passará a tarde deste sábado no Palácio do Jaburu.

Em abril do ano passado, como uma alternativa para ajudar na relação desgastada entre Dilma Rousseff e o Congresso, Temer assumiu a coordenação política do governo. Ficou no cargo até agosto. Temer que já foi deputado e duas vezes presidiu a Câmara, transita bem pelas duas Casas do Congresso. No Senado, a votação da PEC que limita o teto de gastos está prevista para esta semana.

Nos bastidores, Temer foi aconselhado a escolher um nome entre os deputados que pudesse inclusive pacificar a disputa em torno da sucessão de Rodrigo Maia (DEM-RJ) na presidência da Câmara. Entre os nomes citados estão o de Rosso e do também candidato do centrão, o líder do PTB, Jovair Arantes (GO). Rosso disse que não houve convite.

Fonte: SABEL BRAGA do site http://oglobo.globo.com/

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com