PT escolhe ex-deputado Márcio Macedo para substituir Vaccari

O Partido dos Trabalhadores aprovou nesta sexta-feira (17), em reunião do Diretório Nacional da legenda, o nome do ex-deputado federal Márcio Macedo (SE) para ocupar o cargo de tesoureiro do partido. Ele irá substituir João Vaccari Neto, que anunciou afastamento nesta quarta-feira após ser preso pela Polícia Federal.

A escolha de Macedo foi referendada pelo diretório da sigla com base em indicação feita pela corrente do PT “Partido que muda o Brasil” (PMB). Pelo critério da proporcionalidade, o grupo é responsável por indicar nomes para o cargo.

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, informou que o nome de Macêdo foi escolhido por consenso. “Depois de várias gestões, de várias conversas, se chegou ao consenso em torno do nome do ex-deputado Márcio Macêdo, que tem experiência política, parlamentar, e militante já vários anos”, declarou.

De acordo com o líder do governo na Câmara, deputado José Guimarães (CE), Macedo já foi consultado sobre a decisão do diretório e informou que aceitará ocupar o cargo. Ele deverá assumir o posto imediatamente.

“Este é o nome certo para a hora certa”, disse Guimarães. Macedo cumpriu mandato na Câmara entre 2011 e 2014, e concorreu às eleições de 2014, mas não foi eleito. “Precisamos de um nome novo, que oxigenasse”, completou Guimarães.

Apesar de o cargo ser assumido por Macêdo imediatamente, o nome dele passará ainda por avaliação do Congresso Nacional do PT, que ocorrerá, em junho em Salvador. “Não é tesoureiro interino, não é tesoureiro tampão, é tesoureiro no âmbito de plenas responsabilidades que o cargo exige inclusive no âmbito da Justiça Eleitoral. O congresso [do PT] é um momento de avaliação e, como tudo que será lá avaliado, também o nome de Marcio Macedo”, disse Rui Falcão.

Macedo foi presidente do diretório do PT em Aracaju e, posteriormente, chegou ao comando da direção estadual da sigla. Em 2006, ele coordenou a campanha à reeleição do presidente Lula em Sergipe.

Em 2010, disputou sua primeira eleição e foi eleito como deputado federal pelo PT em Sergipe. Na Câmara, ele chegou ao posto de vice-líder do partido, além de ter presidido a Comissão de Mudanças Climáticas na Casa. Nas eleições de 2014, o novo tesoureiro do PT não conseguiu se reeleger.

Macedo tem 45 anos, é biólogo formado pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e fez mestrado em Desenvolvimento e Meio ambiente pela mesma instituição.

Vaccari
O novo chefe da Secretaria de Finanças assumirá o posto em momento delicado para o PT. O tesoureiro afastado, João Vaccari Neto, foi preso em meio a 12ª fase da Operação Lava Jato, que investiga suposto esquema de pagamento de propina com recurso de contratos assinados pela Petrobras. Ele é suspeito de ter se beneficiado do esquema, mas nega as acusações.

Vaccari é réu em processo na Justiça Federal do Paraná que investiga as denúncias da Lava Jato. Ele é mencionado em depoimentos de acordo de delação premiada do doleiro Alberto Youssef, apontado como um dos operadores do esquema. Youssef disse que chegou a mandar um funcionário deixar, na frente da sede do PT, em São Paulo, R$ 400 mil para serem entregues a Vaccari.

Fonte: Roney Domingos Do G1 São Paulo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com