Polícia Civis Suspende GREVE

greve_2Polícia Civil suspende greve até dia 4 de setembro (Foto: Divulgação / Sinpol-MA)

A Polícia Civil decidiu aceitar a proposta do Estado e suspender a greve até o dia 4 de setembro. A decisão da categoria foi tomada nesta segunda-feira (10) após assembleia realizada em frente ao antigo Plantão Central da Rffsa, no Centro de São Luís. A greve dos policias civis do Maranhão começou na última segunda-feira (3). 

Além de permanecer em estado de greve, a categoria vai avaliar se iniciam ou não o movimento “Polícia Legal”, que tem como objetivo fazer com que os policiais trabalhem estritamente dentro da lei. Serviços à população devem ser retomados normalmente a partir desta terça-feira (11).

“Para que se adote isso é preciso levar em consideração o efetivo e que se cumpra o que está na lei. Não é uma coisa tão simples, porque depende de pessoas. Amanhã (terça-feira) vamos nos reunir e avaliar se tudo o que foi votado em assembleia será de fato posto em prática”, afirmou o presidente do Sinpol,  Heleudo Moreira.

De acordo com o movimento “Polícia Legal”, o policial não poderá dirigir viaturas até curso especializado como determina o Código de Trânsito Brasileiro (Lei nº 9.503/97); Inspetores e Escrivães não verificam pendências em inquéritos e procedimentos policiais, e o Inspetor de policia não deverá comparecer ao local do crime sem a presença do delegado, único considerado autoridade policial pela lei nº 12.830/2013.

Mensagem do governador foi publicada nas
redes sociais (Foto: Reprodução)

Negociações
Os policiais civis reivindicam melhores condições de trabalho e pleiteiam a reestruturação do subsídio com base nas tabelas apresentadas pelo governo do Maranhão. Também estão na pauta assunto como aumento do efetivo, tecnologia, inteligência policial e melhores condições de trabalho. Caso o governo não apresente uma proposta que atenda as reivindicações, a greve que durou oito dias voltará a ser deflagrada no dia 5 de setembro.

Na sexta-feira (7), em uma reunião no Palácio dos Leões – sede do governo estadual –, os secretários de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, e de Articulação Política, Márcio Jerry, orientaram os representantes da categoria a suspender a paralisação e manter a mesa de negociações com o governo.

Por meio das redes sociais, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB

“Concede nos aos policiais o maior aumento de remuneração do Brasil neste ano. Os policiais civis tiveram reajustes de 20% a 38%. Já fizemos o máximo possível neste ano. Não posso e não vou ‘quebrar’ o Estado. Vamos fazer novas negociações no próximo ano”, escreveu. fonte g1ma

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com