Maia oferece coquetel a Temer e à base para articular votação de PEC

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), ofereceu na noite desta segunda-feira (24) um coquetel ao presidente da República, Michel Temer, a ministros e a deputados da base de apoio ao governo para articular a votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que estabelece um limite para os gastos públicos.

Tida como prioridade pelo governo, a PEC  já foi aprovada pela Câmara em primeiro turno, por 366 votos a 111, mas, para ir ao Senado, ainda precisa ser analisada em segundo turno. A votação está prevista para esta terça (25).

A PEC 241 prevê que os gastos da União (Executivo, Legislativo e Judiciário) só poderão crescer conforme a inflação do ano anterior.

A partir do décimo ano, porém, o presidente da República poderá propor ao Congresso Nacional uma nova base de cálculo.

Em caso de descumprimento, a PEC estabelece uma série de vedações, como a proibição de realizar concursos públicos ou conceder aumento para qualquer membro ou servidor do órgão.

Inicialmente, a Proposta de Emenda à Constituição estabelecia que os investimentos em saúde e em educação deveriam seguir as mesmas regras. Diante da repercussão negativa e da pressão de parlamentares aliados, o Palácio do Planalto decidiu que essas duas áreas deverão obedecer ao limite somente em 2018.

O encontro na casa de Maia
Segundo a assessoria de Maia, estavam presentes ao coquetel mais de 200 deputados. Entre eles, o líder do governo na Câmara, André Moura (PSC-SE), o vice-presidente da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), e os deputados Rogério Rosso (PSD-DF), Paulinho da Força (Solidariedade-SP), Izalci Lucas (PSDB-DF), Marco Feliciano (PSC-SP) e Mauro Lopes (PMDB-MG).

Os ministros Henrique Meirelles (Fazenda), Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo), Mendonça Filho (Educação) e Osmar Terra (Desenvolvimento Social) também estiveram na reunião.

Enquanto o coquetel era oferecido na residência oficial da Câmara, um grupo formado por cerca de 20 pessoas, ligadas à Federação Nacional dos Servidores do Judiciário no Estados (Fenajud), protestava contra a PEC 241.

Pós-coquetel
Ao deixar o coquetel, o deputado Vanderlei Macris (PSDB-SP) comparou a reunião desta segunda a uma concentração para uma partida de futebol.

“Foi uma preparação para o jogo maior de amanhã [terça, 25]. Apesar de que, na preliminar [votação em primeiro turno], nós já conseguimos um número grande de votos para aprovar esse projeto amanhã. Estamos todos preparados para jogar o jogo principal amanhã, em que o Brasil vai sair vitorioso”, afirmou o parlamentar tucano.

O ministro Osmar Terra, por sua vez, disse que o presidente Temer não discursou no coquetel, somente conversou individualmente e em grupos com os deputados, agradecendo o apoio à PEC.

“Foi mais uma reafirmação da base do governo. Não vai ter grandes problemas [na votação em segundo turno]. Não tem nenhuma dissidência, nem ninguém mudando de posição”, afirmou.

Rogério Rosso, na saída, disse que Temer passou “de mesa em mesa”, dialogando com deputados. Ele avaliou, ainda, que o placar do primeiro turno, com 366 votos a favor da OEC, deve se repetir na votação desta terça.

Rito no Senado
Embora a proposta ainda esteja em tramitação na Câmara, o governo já começou a discutir o rito que a PEC seguirá no Senado.

Na noite desta segunda, por exemplo, o presidente Michel Temer recebeu em seu gabinete no Palácio do Planalto o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), para discutir o cronograma.

Na semana passada, Renan já havia se reunido com os líderes partidários do Senado para discutir o calendário. Pelas datas acertadas no encontro, o texto será votado pelo plenário em primeiro turno em 29 de novembro e, em segundo turno, em 13 de dezembro.

Fonte: Gustavo Garcia Do G1, em Brasília

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com