Índios liberam profissionais feitos reféns em Itaipava do Grajaú

Os índios da tribo Toco Preto e Severino liberam na madrugada deste sábado (12) o médico cubano do programa ‘Mais Médico’, a dentista e o motorista que estavam sendo mantidos como reféns próximo ao município de Itaipava do Grajaú há quatro dias, a 477 Km de São Luís.

O acordo por melhorias na saúde da tribo foi firmado entre a prefeitura de Itaipava do Grajaú e a coordenação do departamento do Distrito Sanitário Especial (Dsei). A principal reivindicação da tribo era a construção de um posto de saúde com um técnico em enfermagem permanente, além de um veículo para leva-los à cidade para consultas ou casos de urgência.

De acordo com a assessoria de imprensa do Dsei já existe um projeto para construção da unidade básica de saúde e outro poço artesiano na aldeia Sibirino. Nos próximos meses será aberto o processo de licitação.

O coordenador-geral do Dsei, Alexandre Cantuário, pediu um prazo até sexta-feira da próxima semana para providenciar o veículo e um motorista que deve ficar à disposição dos índios.

Entenda o caso
Índios da tribo Toco Preto e Severino, da etnia Timbira, fizeram o médico cubano do programa ‘Mais Médico’, a dentista e o motorista reféns durante uma visita dos profissionais à aldeia. Os índios queriam melhorias na saúde da tribo. A Polícia Federal deu suporte e ajudaram na negociação da liberação dos três reféns.

Fonte: G1 MA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com