Flávio Dino declarou ‘deplorável’ o veto de Sarney

Em sua página no Twitter, o governador Flávio Dino proferiu sua opinião quanto à desaprovação do ex-senador José Sarney, que recusou o nome do deputado Pedro Fernandes para o cargo de Ministro do Trabalho. Fernandes é da base governista que se opõe ao Grupo Sarney no estado.

Ao se referir ao veto de Sarney, Flávio Dino declarou como ‘deplorável’ e disse que vai combater a ‘lei’ do coronelismo que só apoia nomes de aliados às famílias Sarney, Murad e Lobão.

Deplorável o veto do ex-senador Sarney ao deputado maranhense Pedro Fernandes. Se não tem sobrenome Sarney/Murad/Lobão, não tem vez. Essa é a “lei” do coronelismo, que vamos revogar definitivamente neste ano.

Pedro Fernandes foi nomeado pelo presidente Michel Temer ao cargo, ocupando o lugar de Ronaldo Nogueira, que pediu demissão na semana passada para poder disputar as eleições de 2018. Mas, com o não referendo de Sarney, Temer voltou atrás e pediu ao presidente nacional do Partido dos Trabalhadores do Brasil (PTB), Roberto Jefferson, que indicasse outro nome.

Pedro, que tomaria posse nesta quinta-feira, foi notificado ontem por Jefferson, sobre a decisão. Para o lugar de Pedro Fernandes, o PTB visa indicar o nome do deputado federal Sérgio Moraes (RS) para o cargo.

Após receber a informação, Fernandes se manifestou a correligionários: “Infelizmente, não deu, devido ao embaraço que eu crio na relação Michel Temer com o ex-presidente José Sarney”, esclareceu.

Fonte: O Imparcial Online

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com