gov
DEMOROU, MAS CHEGOU: MEU NOVO LIVRO “RIO CONJUGAL” – barradocorda.com – Ribamar Guimarães – “o bom maranhense”
Publicado em: 19 de fevereiro de 2017 - 20:18

DEMOROU, MAS CHEGOU: MEU NOVO LIVRO “RIO CONJUGAL”

20170218_085641 20170218_103748Acabo de receber, depois de mais de um ano de atraso, meu novo livro “Rio Conjugal”. Escrito em 2014, o livro era para ter sido lançado ano passado, em comemoração ao centenário de nascimento do poeta William Stead Figueira, pois 2015 foi todo absorvido nos preparativos do “Poesia Esparsa” de Maranhão Sobrinho, publicação alusiva ao centenário de morte do grande vate barra-cordense.

O novo livro, escrito quase instantaneamente, é constituído de um único poema dividido em sete cantos, perfazendo 80 páginas, numa linguagem fluida, clara e acessível, diferentemente da poética que desde “Bodas de Pedra” venho construindo. O poema é todo Barra do Corda, vista por seus rios. É um diálogo ora entre os dois rios, Mearim e Corda, que aqui se “conjugam”, ora entre os rios e a gente cordina. Em Barra do Corda dá-se não somente a conjugação destes rios, que por si só já refletem duas naturezas contraditórias inerente a todos, como também de sua gente, seus anseios e desafios. O livro é um canto e também um clamor que mostra as verdadeiras condições de nossos rios na ótica dos próprios rios, que há tempos reclamam por intervenção pública. É um passeio reflexivo pela história de Barra do Corda, que não deixa de ser diferente da história de todos nós, transcendendo para alcançar a universalidade.

A data do lançamento em Barra do Corda ainda não foi marcada, mas em São Luís, será na 2ª FLAEMA (Feira do Livro do Autor e Editor Maranhense), de 26 de maio a 4 de junho de 2017. Espero a presença de todos.

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar essas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Facebook