Decretada prisão temporária do filho do ex-prefeito “Nenzim”

Segundo o Secretário de Segurança Pública do Maranhão, Jefferson Portela, a justiça determinou a prisão preventiva do filho do ex-prefeito de Barra do Corda, o “Nenzim”. De acordo com o secretário, Mariano Júnior é o principal suspeito da morte do pai.

De acordo com as investigações, no dia do crime o filho estava junto ao pai e não havia mais ninguém no local. Portanto, as informações iniciais que indicavam a presença de dois homens em uma moto no assassinato do ex-prefeito é falsa.

“Não houve confirmação de nada disso. O pai saiu com o filho em um carro. A parada para necessidade fisiológica não se confirma. Ele não desceu do veículo e recebeu o disparo dentro do veículo e veio a óbito”, declarou.

Ainda segundo o Secretário, logo após uma missa no velório do ex-prefeito, Mariano Júnior saiu e não foi para o cemitério acompanhar o enterro do pai. Por conta dessas informações Mariano Júnior é considerado o principal suspeito do crime. Neste momento a cidade está cercada e o filho do ex-prefeito é considerado foragido.

Outras prisões

Jefferson Portela também confirmou que houveram duas novas prisões envolvendo o assassinato do ex-prefeito “Nenzim” na tarde desta quinta-feira (7).

“Os mandados foram cumpridos esta noite em relação a duas pessoas. Uma é um vaqueiro, Luzivan, que tomava conta do gado junto com ele; e o outro é o David, que foi a pessoa que levou o carro para que fosse lavado e retirado o sangue dos bancos. Os bancos foram retirados, colocados fora e lavados porque havia uma quantidade de sangue. Isso antes da perícia. Portanto ele (David) que conduziu o carro também foi preso porque isso é uma obstrução da investigação criminal. O terceiro amndado é do próprio Mariano Júnior”, declarou o secretário.

As prisões decorreram das investigações da SHPP com a delegacia regional de Barra de Corda, mas os dois ainda não foram ouvidos. Por isso, ainda não se sabe se eles estiveram no dia da execução do ex-prefeito.

Entenda o caso

Manoel Mariano de Sousa, conhecido como Nenzim, foi assassinado com um tiro no pescoço, na manhã dessa quarta-feira (6), na zona rural de Barra do Corda, a 341 km de São Luís. Ele foi encaminhado a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barra do Corda e em seguida, transferido para um hospital no município de Presidente Dutra, mas acabou falecendo.

Fonte: Rafael Cardoso, do site G1 Noticias

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com