Chape vai à final com ajuda de Danilo e show da torcida

Um conjunto de fatores levou a Chapecoense a um lugar que anos atrás o torcedor jamais imaginaria. Nas próximas duas semanas, o Verdão vai disputar a final da Copa Sul-Americana. Tal direito foi conquistado após o empate com o San Lorenzo na Arena Condá, por 0 a 0, na noite de quarta-feira, diante de mais de 17 mil torcedores. Na ida, em Buenos Aires, o resultado havia sido 1 a 1.

Chapecoense comemoração contra San Lorenzo (Foto: AP Photo/Andre Penner)
Jogadores se abraçam após o apito final  (Foto: AP Photo/Andre Penner)

Muito se pode falar sobre o que levou um clube “sem Série” no Brasileirão há um tempo atrás, que quase disputou a divisão de acesso do Catarinense, ao posto de candidato ao título da Sul-Americana, uma das principais competições continentais. Mas o momento é para fatos mais recentes. Aqueles que se tornaram os diferenciais para o clube de Chapecó, uma cidade de cerca de 200 mil habitantes, fazer o Brasil sonhar com uma conquista internacional no fim desta temporada.

+ Com carreata, torcedores comemoram classificação inédita da Chape; fotos
+ Caio Jr. revela reza no fim e vê Chape melhor nos dois jogos da semifinal
+ Confira o confronto da partida na Arena Condá

+ Você dá nota: avalie os jogadores da Chapecoense
+ Atuações: Danilo mita, Lucas Gomes entra bem, e defesa segura empate
+ Danilo garante vaga da Chape na final com os pés e admite: “Levei sorte”
Habemus finalista! Chape avança ao bater time do Papa, e feito gera meme

Primeiro que a defesa deixou de ser um problema. No Campeonato Brasileiro, teve rodada que a Chape apareceu como o time mais vazado. Aos poucos, o técnico Caio Júnior resolveu a questão e devolveu o espírito de forte pegada à equipe. Diante do San Lorenzo, a organização do grupo foi eficaz. Com a vantagem, soube suportar a pressão dos argentinos e passou a maior parte do tempo sem sustos. O perigo mesmo foi só no fim, quando o adversário partiu para o “abafa”.

São quatro jogos seguidos da Chape sem levar gol. Uma estatística que mostra a solidez defensiva do grupo comandado por Caio Júnior. O que não significa que os méritos são só dos defensores. É que todo o time joga marcando. Pelos lados, pelo meio, sem deixar espaço. E os oponentes sofrem para armar algum lance ofensivo contra a Chape.

Chapecoense torcida (Foto: REUTERS/Paulo Whitaker)
Torcida lotou a Arena Condá para empurrar o Verdão do Oeste (Foto: REUTERS/Paulo Whitaker)

Danilo mais uma vez foi o grande personagem. Quem lembra os quatro pênaltis defendidos pelo goleiro nas oitavas de final, contra o Independiente? Desta vez, não foi preciso segurar as penalidades. Com a perna, o camisa 1 fez milagre ao evitar que o chute de Blandi, na pequena área, no último minuto, entrasse no gol. E, assim, de novo virou “São Danilo”.

Agora, o protagonismo da classificação ficou para a torcida. Os fãs alviverdes acreditaram e lotaram a Arena Condá. Na chegada da delegação ao estádio, uma multidão recebeu os jogadores. Com bandeiras, faixas, fogos de artifício e sinalizadores, os torcedores pintaram as ruas de verde e branco. Acompanharam o ônibus até a porta, e cada jogador que desembarcava recebia palavras de incentivo.

Chapecoense x San Lorenzo (Foto: Laion Espíndula)
Com grande festa, torcedores receberam a delegação antes do jogo  (Foto: Laion Espíndula)

No fim, a merecida comemoração. Depois de uma partida tensa e disputada, a torcida da Chape tomou o centro da cidade. Era a hora de soltar o grito. Uma carreata parou uma das principais avenidas de Chapecó. Além disso, por todos lados se via grupos vestidos de verde e branco, celebrando uma classificação histórica. De uma noite que vai ser recordada por muito tempo…

O adversário da Chapecoense ainda será definido, com Atlético Nacional e Cerro Porteño na disputa. Os dois times se enfrentam nesta quinta-feira, na Colômbia. O primeiro jogo terminou 1 a 1. Antes da final, na próxima quarta-feira, a Chapecoense tem um jogo pelo Brasileirão. No domingo, visita o Palmeiras.

Confira mais notícias do esporte de catarinense no GloboEsporte.com/sc

Chapecoense comemoração (Foto: Laion Espíndula)
Depois do 0 a 0 com o San Lorenzo, carreata tomou conta de Chapecó (Foto: Laion Espíndula)
Fonte: www.globoesporte.com
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com