A força da piscicultura. Só em 2018 foram 722.560 toneladas produzidas.

O Brasil produziu 722.560 mil toneladas de peixes de cultivo em 2018. Esse resultado é 4,5% superior ao de 2017 (691.700). A informação é da Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR) e faz parte do Anuário da Piscicultura Brasileira – edição 2019, que acaba de ser publicada.

A Tilápia é a mais importante espécie de peixes cultivados do Brasil. Segundo levantamento exclusivo da Peixe BR, a espécie teve crescimento de 11,9% em relação ao ano anterior (2017), com 400.280 toneladas produzidas em 2018, representando 55,4% da produção brasileira de peixes de cultivo.

Segundo o Anuário da Peixe BR, a categoria de peixes nativos representou em 2018 cerca de 39,84% (287.910) da produção total, liderados pela espécie Tambaqui.

A publicação traz ainda o potencial de crescimento de outras espécies de peixes de cultivo, como Carpa, Panga e Truta, dentre outras, que em 2018 totalizaram 34.370 toneladas e responderam por 4,6% do total nacional.

Esse sucessivo crescimento da piscicultura brasileira, principalmente da Tilápia, mostra que nosso país tem trabalhado com excelência e que o seu potencial pode ser expandido ainda mais. O futuro para a atividade é extremamente promissor e devemos superar os gargalos – especialmente a questão ambiental e a outorga de águas da União – para atingir esse objetivo”, disse o presidente da Peixe BR, Francisco Medeiros, em entrevista coletiva em Paranaíba (MS), durante o Road-show para Jornalistas do Agronegócio, promovido pela Texto Comunicação Corporativa (SP).

Brasil, 4º maior produtor global de Tilápia

A produção brasileira de Tilápia de 400.280 toneladas em 2018, de acordo com levantamento da Peixe BR, coloca o Brasil entre os quatro maiores produtores do mundo, atrás de China, Indonésia, Egito, e à frente de Filipinas e Tailândia.

O Paraná é o maior produtor de Tilápia do Brasil, com 123.000 toneladas. A espécie participa com 94% da produção total de peixes cultivados do estado. A Tilápia também está presente com força em São Paulo. Nada menos do que 95% da produção do estado – equivalentes a 69.500 toneladas – são da espécie.  O terceiro maior produtor de Tilápia do Brasil é Santa Catarina, com 33.800 toneladas (74% do total).

Maranhão não autoriza a produção de Tilápia

Perguntei ao presidente da Peixe BR, Francisco Medeiros, sobre a produção de Tilápia no Maranhão, e ele me respondeu:

“O estado do Maranhão, dentre os estados das regiões Norte e Nordeste, é o que tem o maior número de propriedades que declararam no Censo Agro 2017 que criam peixes.

No estado, 2.683 produtores rurais declararam que criam Tilápia em seus viveiros, mesmo a legislação estadualnão sendo clara com relação à liberação de espécies. Isso demonstra a necessidade urgente de se regularizar rapidamente a questão ambiental no Maranhão para permitir que esses produtores possam atuar dentro de um clima de legalidade e consigam acessar as linhas de crédito do Pronaf Aquicultura.

Mesmo com todas essas dificuldades, o produtor está à frente do estado e hoje já é o maior produtor de Panga do Brasil, demonstrando a vocação do Maranhão para a criação dessas espécies exóticas.

O estado do Pará, como no Maranhão, tem 3.089 proprietários rurais que declararam que possuem Tilápia em seus viveiros, mesmo o estado não reconhecendo a existência da espécie.

Essa visão míope da atividade por parte do governo impede um maior desenvolvimento do setor”, declarou Francisco Medeiros.

Rondônia lidera a produção de peixes nativos

Rondônia, Roraima e Pará (região Norte), Mato Grosso (região Centro-Oeste) e Maranhão (região Nordeste) são os maiores produtores de peixes nativos do Brasil. A pesquisa da Peixe BR não detalha, em percentual, as espécies nativas mais produzidas, porém a liderança é do Tambaqui, além de Piratininga, Pacu e seus hídridos, principalmente Tambatinga.

Rondônia lidera o ranking, com100% de sua produção (72.800 toneladas) de espécies nativas. Mato Grosso aparece em segundo lugar, com52.000 toneladas (97% do total). Na sequência, vem o Maranhão, com produção de peixes nativos de 35.200 toneladas (90,1% do total do estado). Na quarta posição está o Pará, com 22.600 toneladas (92,29%), e Roraima na quinta colocação, com 17.100 toneladas (100%).

Aquabel, a maior produtora de alevinos de Tilápia do Brasil

Tendo iniciado suas atividades de produção de Tilápia em 1992, em Rolândia (PR), a Aquabel tornou-se a maior produtora de alevinos de Tilápia do Brasil. Atualmente, a empresa tem dez unidades espalhadas em seis estados: Paraná, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Pernambuco e Goiás.

A Aquabel nasceu pelas mãos dos sócios Ricardo Neukirchner e Cláudio Batirola. Em 2016, o controle da empresa foi vendido para o grupo alemão EW, líder global em genética animal.

A empresa deve produzir entre 100 e 120 milhões de alevinos em 2019. A projeção é atingir 300 milhões nos próximos anos, a partir de investimentos em novas unidades em Minas Gerais, Mato Grosso e Bahia”, informou o diretor da Aquabel, Ricardo Neukirchner, aos jornalistas do Road-show.

Tilabras

O projeto de piscicultura da Tilabras em Selvíria (MS) envolve investimentos totais estimados em R$ 200 milhões, com geração de até 2,7 mil empregos – sendo 800 diretos.

A fase inicial do projeto inclui frigorífico com capacidade de processamento de 10 mil toneladas de peixe por ano.

A intenção inicial é destinar a produção para o mercado nacional e, gradativamente, abrir a exportação. O plano envolve integração de pequenos produtores em cooperativas para fornecimento de peixes ao frigorífico. Quando o frigorífico estiver em plena operação, a produção poderá chegar a 100 mil toneladas por ano, gerando faturamento anual de até R$ 1 bilhão. Esse volume corresponderá a 30% da produção brasileira de Tilápia”, destacou Nicolas Landolt, diretor-presidente da Tilabras.

(Com informações da Texto Comunicação Corporativa – SP).

Fonte: Coluna do Lima Rodrigues do site http://oprogressonet.com

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Barra Do Corda portal de notícias, tudo sobre a nossa cidade com:

Rapidez, Verácidade e Ética.

Não se esqueça de se inscrever para receber nossas notícias. Digite seu e-mail e saiba tudo sobre Barra do Corda a nossa cidade.

Informações

Chat
Enviar via WhatsApp
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com